quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Dilma deve fechar cursos técnicos no Paraná. E a APP e a Upes não falam nada?


O governo Dilma Rousseff (PT) determinou e a UTFPR deixará de oferecer vagas para o ensino médio e para dois cursos técnicos de nível médio a partir de 2017. Segundo a escola, a mudança tem a ver com a transição entre o antigo centro tecnológico e a atual universidade. Em 2020 devem ser formados os últimos alunos do ensino médio. A escola técnica tem mais de 50 anos, As informações são do portal G1 PR.

Já a APP-Sindicato, Upes, UNE e UPE que se arvoram defensores a da educação, até agora não deram um pio, não falaram nadica de nada. Nem uma ocupaçãozinha sequer. A professora Marley e o deputado Professor Lemos, ambos do PT, só são leão quando se trata do governo estadual, mesmo reconhecendo os avanços para a categoria nos últimos cinco anos. Já com o governo da companheira Dilma, agem como tchutchuquinhas.

De acordo com a reportagem, As duas próximas seleções para estudantes do ensino médio devem ocorrer no primeiro e no segundo semestres de 2016. Serão oferecidas 80 vagas ao longo do ano, metade das vagas abertas em 2015.

Embora não atinja os atuais estudantes matriculados, a mudança foi vista com preocupação na UTFPR. A instituição já foi premiada várias vezes como o melhor colégio de ensino médio do Paraná. “Essa decisão que a direção quer tomar agora contra a própria lei que a estabelece e a essência da instituição”, diz o presidente do grêmio estudantil Guilherme Pavesi.

O pró-reitor da UTFPR, Carlos Henrique Mariano, diz que o fechamento do ensino médio e dos cursos de mecânica e eletrônica foi levado em conta não só pela mudança do foco da instituição, mas também pela dificuldade de manter as aulas. “Nós não estamos conseguindo ter financiamento para os cursos técnicos. A carreira dos professores do ensino básico e tecnológico aqui na universidade está em extinção e também pela necessidade desses departamentos ofertarem novos cursos na área de graduação para o Paraná”, afirma.

Segundo a UTFPR, com o fechamento dos cursos médios, será possível abrir duas novas graduações: a de engenharia mecatrônica, que deve abrir já em 2016; e a de engenharia sanitária ambiental, em 2017.

Nenhum comentário: